[EXPOSIÇÃO VIRTUAL] EPHEMERA – UMA CERTEZA INEFÁVEL

A efemérida (inseto aquático), cujo nome deriva do grego ephemeros, nasce na água, enquanto ninfa (subimago) e, quando está pronta para o próximo estágio, emerge, permanecendo à tona da água até desenvolver por completo as asas e assim voar (tornando-se adulto/imago). Enquanto se encontram à tona da água, é a altura do seu ciclo em que estão mais desprotegidas e em que utilizam o processo de deriva para evitarem os predadores.

Após tornarem-se imagos, movimentam-se contra a corrente, acasalam, depositam os seus ovos e morrem num curto espaço de tempo (um a dois dias).

Esta instalação, da artista portuguesa Ludmila Queirós, pretende ser uma metáfora sobre a humanização da efeméride na poética da vivência.

Na inauguração, tivemos performance musical de Bernardo Bastos.


Estação é um espaço cultural localizado na cidade de Canelas (Portugal), idealizado pela Junta de Freguesia de Canelas e pelo artista plástico Mário Afonso. O espaço tem o intuito de divulgar o trabalho de artistas nacionais e internacionais, de várias áreas artísticas, realizando exposições e oferecendo, à freguesia de Canelas, acesso gratuito a projetos culturais atuais.


Uma vez
Mensal
Anual

Apoie a Trama e nos ajude a continuar crescendo!

Fazer uma doação mensal

Fazer uma doação anual

Escolha um valor

R$5,00
R$15,00
R$100,00
R$5,00
R$15,00
R$100,00
R$5,00
R$15,00
R$100,00

Ou digite um valor personalizado

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

DoarDoar mensalmenteDoar anualmente

Deixe uma resposta