Rumo ao Infinito

uma hora a vida apruma
se arruma
e ruma ao infinito
uma hora a vida grita
se agita
e supera suas expectativas
uma hora tudo para
desacelera
e você pensa que 'já era'
também pudera
a vida que é vida bela
por si só já vale a pena
uma hora fará sentido
eu afirmo
e quando perceber tá garantido
é só sorriso
e tudo será mais bonito

Cleverson Borges é bacharel em Direito e dedica parte do tempo livre na produção de poesias. Acredita que sua paixão pelas palavras pode servir de inspiração e conforto àqueles que se dispuserem a se deliciar na leitura. Conheça mais do trabalho do autor no Instagram


Deixe uma resposta