Sinal da Cruz

Ela andava distraída
Elegante de sobretudo e boina
Pelo centro antigo de Salamanca
Frio intenso típico de inverno
Parou defronte à igreja imensa
Observava cada detalhe artístico
Arquitetura esplendorosa
Inspirou o ar gélido
Ouviu um canto partindo do templo
Os olhos reviraram nas órbitas
Súbito saiu de si
O cenário era parecido
A mesma praça
Mas era um dia de verão
Sol a pino
Céu de um azul belo
Lembrança de vida passada?
Sua mão segurava um machado
A multidão reunida
Gritos e imprecações
O padre fez o gesto
Mediu o pescoço de uma infeliz
Urros da malta agitada
Executou o golpe com violência
O sangue esguichou na sua cara
Retornou assustada
Caída ao chão
Em pranto convulsivo
Mudou-se para Segóvia
Nunca mais voltaria

Gabriel Garcia é poeta. Atua como professor de Física nas horas vagas.


Galeria: artistas pra seguir na quarentena

Apoie artistas nessa quarentena. Em tempos de cólera, amar é um ato revolucionário.


Versão Impressa – Edição Conceito

Exemplar impresso da edição conceito da Trama, contendo os 10 textos mais lidos até sua diagramação. Autores selecionados: Ricardo Cristófaro, Dane de Jade, Enrique Coimbra, Gyovana Machado, Frederico Lopes, Caroline Stabenow, Gabriel Garcia, Marcus Cardoso, Kariston França, Paola Frizeiro, Luisa Biondo.

35.00 R$


Clique na imagem para acessar a loja!

Deixe uma resposta