Why not Personal Black Holes?

Era uma estranha tecnologia
Servia ao seu inventor unicamente
Apropriada aos fins menos habituais
Quem sabe a solução de tantos problemas
O anti-fiat
O fim
O nada
O jamais novamente
Para onde apontasse
Encerrava qualquer informação
Lanterna invulgar
Emite escuridão
Talvez não seja tão eficiente
Comparada a tanta gente
Seu jato não se vê
Engole o que estiver pelo caminho
Anti-show
O avesso do espetáculo
Seu cone obscurece
Faixa do mais absoluto sombrio
Inspiração psicológica?
Para onde vai
Aquilo que se deixa de ver?

Gabriel Lopes Garcia é poeta. Atua como professor de Física nas horas vagas.


Versão Impressa – Edição Conceito

Exemplar impresso da edição conceito da Trama, contendo os 10 textos mais lidos até sua diagramação. Autores selecionados: Ricardo Cristófaro, Dane de Jade, Enrique Coimbra, Gyovana Machado, Frederico Lopes, Caroline Stabenow, Gabriel Garcia, Marcus Cardoso, Kariston França, Paola Frizeiro, Luisa Biondo.

R$35,00


Clique na imagem para acessar a loja virtual da Bodoque!


Galeria

Apoie pautas identitárias. Em tempos de cólera, amar é um ato revolucionário.

Deixe uma resposta